13/09/2017 10:02:41 - Atualizado em 13/09/2017 10:13:04

SJB autorizado a desobstruir trechos do Paraíba

  Divulgação

Iniciativa visa melhorar a captação de água potável pela Cedae

A Prefeitura de São João da Barra recebeu, no início deste mês, autorização do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) para realizar serviço de desobstrução em dois trechos da margem direita do Rio Paraíba do Sul. A iniciativa visa melhorar a captação de água potável pela Cedae e garantir as condições de navegabilidade e segurança dos pescadores.

“Nossa intenção é, através da desobstrução dos dois trechos do rio, melhorar os serviços de abastecimento de água para população e beneficiar a classe pesqueira e os proprietários de frigoríficos que estão com dificuldades de trabalhar devido o assoreamento”, declarou o secretário de Meio Ambiente e Serviços Públicos de São João da Barra, Alex Firme, que deu entrada na documentação de solicitação de Autorização Ambiental, junto ao Inea, no início de julho.

As Autorizações Ambientais, expedidas pelo CONDIR - Conselho Diretor do Inea/Rio -, fazem referência às desobstruções do canal situado nas imediações do Dique São João e do canal de navegação na foz do rio Paraíba do Sul, em Atafona.

“Esses serviços são fundamentais para permitir acessibilidade das embarcações de pesca, do cais de atracação até o mar, de forma continua e segura, visando a reativação da economia local, e garantia da captação de água com o restabelecimento do fluxo d’água na margem direita do rio, diminuindo o processo de salinização”, ressaltou o secretário.

A Prefeitura de São João da Barra está aguardando um posicionamento do Ministério Público Federal sobre as Autorizações Ambientais, emitidas pelo Inea, para que as intervenções de desassoreamento sejam iniciadas.

 

Reportagem:


Fonte Secom